Guerreiros com duplo ouro no Open Mundial de Boccia

GUERREIROS  DE OURO

NO OPEN MUNDIAL DE BOCCIA

Eunice Raimundo, Domingos Vieira e José Carlos Macedo, acompanhados por Carla Oliveira, Roberto Mateus e Américo Cunha, alcançaram a vitória no Open Internacional da Polónia, que se realiza na cidade de Poznan, entre os 31 países participantes, obtendo 2 medalhas de ouro para Portugal.

Eunice Raimundo e José Carlos Macedo, juntos com Armando Costa da ARDA Porto, obtiveram a medalha de ouro em Pares BC3. Na fase de grupos o par BC3 alcançou duas vitórias, frente aos Estados Unidos e à Rússia, tendo perdido com a Espanha por 2-3. Portugal qualificou-se para os quartos-de-final em 1.º lugar no grupo, porque a Rússia venceu a formação espanhola por 5-2, fase em que os jogadores lusos terminaram com um triunfo por 3-2 perante a França. Nas meias-finais o par obteve uma vitória por 4-1 perante a Suécia e na final teve como adversário a Grécia, atual campeã paralímpica. O jogo foi de nível muito elevado e emocionante até à última bola, com Portugal a conseguir uma vitória por 3-2.

10372548_869399866474049_4432644738740153819_n

Já em pares BC4, o nosso guerreiro Domingos Vieira, acompanhado por Pedro Clara e Carla Oliveira do FC Porto. Portugal chegou às meias finais, onde defrontou uma Rússia muito difícil, numa partida que terminou com um triunfo por 3-2. A final foi um encontro memorável para o par português, constituído por jogadores que nunca haviam chegado tão longe na vertente coletiva. Mostrando uma concentração, consistência de jogo e estratégia irrepreensíveis, conseguiram levar de vencida o Canadá, um dos melhores pares mundiais (5.º do ranking mundial), pelo resultado de 4-1, mantendo o resultado sempre controlado ao longo de toda a partida.

1907989_411804352361156_5152758920574181006_n

A equipa BC1-BC2 conseguiu duas vitórias, sobre a Polónia por 8-3, e à Espanha (6.º do ranking) por 7-4, qualificando em primeiro lugar para os quartos-de-final, encontro em que levou de vencida a Eslováquia por 4-3. Nas meias-finais defrontou um Japão super motivado, pois tinha acabado de eliminar a atual nº 1 do ranking (Grã-Bretanha) e que apresentava uma qualidade de jogo superior e uma motivação extraordinária. Foi um jogo muito disputado, que acabou por pender para os asiáticos por 8-5. Na disputa do 3.º lugar, Portugal venceu com alguma naturalidade a Rússia, por 6-2, terminando o torneio com uma prestação muito positiva.

11206945_869893029758066_8092973282217427877_n

O Open Mundial de Boccia Poznan 2015 tem a participação de 143 atletas, provenientes de 31 países.

31 países participantes:

Australia, Bermuda, Brasil, Canadá, China, China Taipé, Finlândia, França, Alemanha, Grã Bretanha, Grécia, Hungria, Irlanda, Israel, Japão, Macau-China, México, Holanda, Noruega, Portugal, Rússia, Eslováquia, Espanha, Suécia, Turquia, EUA, Bélgica, Rep. Checa, Dinamarca, Eslovénia, Polónia.

Anúncios

Um pensamento sobre “Guerreiros com duplo ouro no Open Mundial de Boccia

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s